Hannah

"De Lá Pra Cá"

(Marcella Victer & Set)

Meu acalanto que me aquieta é essa terra
Me mande notícias daí
Eu to com saudade do mar
Eu vi poesia renascer dessa terra
Me mande notícias daí
Eu to com saudade do mar

(Set)
Eu tenho saudade do sol
Eu sinto falta do seu mar
Não de qualquer mar
Falta do seu mar
Prenderam mais um santo (mais um)
Faz alguma coisa Bala (faz alguma coisa)
Chega de pensar em Dora (não dá mais)
E quem sou eu pra fazer algum milagre? (quem)
Eu cheguei tem pouco tempo
Senti o peso da liberdade
De quem já teve preso
Descalço pela cidade
Só existe o agora
Mais tarde é agora
Não vou guardar más memórias
Ac*mular mais memórias
Mas nada é como antes
Não se deixa mais nada pra trás
Minha arte é o meu legado
Eu sou apenas aquele rapaz
SE VOCÊ SE DESCULPAR DEMAIS
VÃO ACHAR QUE CÊ TÁ SEMPRE ERRADO
Você já viu meu reflexo
Conheceu meu pior lado
Eu senti dor na pele
Palavras com machucados
Sentido Rio Vermelho, amor
Água pra lavar meus pecados!

(HannaH)

Fazendo poesias fúteis pra me enganar
Sabendo que só eu posso me curar
Ontem eu me encontrei
Depois de me esquecer
E procurei não aquecer frios antigos

É que eu voltei de viagem
Esqueci minha bagagem
E amores passados, não combinam comigo
Faz chuva e sol
Dentro de mim
Tive que me acostumar
Quatro estações, cê sabe
Vinte e um anos
Aprendi a administrar
Além de enxergar, você aprende a ver
Verdades não tão reais
Nem tão fáceis de esquecer
Ela falou que tá me ouvindo
Mas se eu ficar em silêncio
Ela descobre que tô mentindo
Nem tudo é tão profundo
Melhor não confundir
Não escute conselhos
Quando errar de novo volta aqui

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #
Copyright © 2018 Bee Lyrics.Net