Valas

"Nasty"

[Refrão: Valas]
Força do hábito
Que o nosso estilo é sa foda
Queria bazar mas a shorty até tinha pouca roupa
Cá ninguém poupa, vou passar aqui a vida toda
Se é para partir, eu vou partir até que a baby exploda
Nasty, ela vai para o back seat
Então mete o [baf?] nisso
Já que tu és a bad b*tch
Nasty, nasty, nasty baza fazer um mad clip

[Verso 1: Valas]
É o toque do mago
Então gira, não estrago
Tipo vocabulário, vai ficar educada
Hoje gira, não trago
Então gira que eu parto
Como se instrumental fosse uma desgarrada
Não dá para disfarçar, parece uma cascata
Vou puxar do cartucho
E bater fumarada
Deixar o rastilho como fogo na estrada
Para no dia a seguir
Conseguir voltar à parada
Não há dono da data
Nem dono do clock
Podes ficar à espera
Vais perder o comboio
Já um bom bocado vidrado nos olhos
A ver os teus pecados a matarem-te os sonhos
São cops que acordam quem vive com sono
Ela sobe no tronco, essa baby é nasty
[?] quando senta no trono
Cedo não vai acabar
É luta agressive
A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #
Copyright © 2018 Bee Lyrics.Net